sábado, 3 de janeiro de 2009

O lado humano

Há aquela máxima no mundo empresarial que diz: "As pessoas são o maior património das empresas".
Nao vamos aqui dissertar sobre esta temática, nem maçar ninguém com informações de CV pessoais, é apenas nosso único propósito dar caras aos nomes que dão vida e alma à Confiquatro.

O núcleo duro apresenta-se. Característica comum: boa disposição!















Agora cada uma das partes.
Pedro Gomes. Patrão de Alto-mar.

A sua vida e o Mar confundem-se. Um amor fatal que se anunciou eterno.

Na Confiquatro aliou a sua experiência profissional ligada à Economia, à sua paixão eterna, que são os desportos náuticos.

É o skipper de excelência da empresa. Quem procura sempre a melhor rota para chegar aos objectivos traçados. Não anda ao sabor do vento, mas utilizando-se do vento, bolina como ninguém. Tudo é visão. Tudo é estratégia. Tudo é razão para levar o desporto náutico ao maior número de pessoas.

É o chefe. E o chefe é simplesmente "o chefe".

Cristina Tordo. Patrão Local. (ou deverei escrever aspirante a Patrão de Costa?).

Até chegar à Confiquatro, o Mar era para ela visto da mesma forma como para qualquer comum dos mortais.

A vela entrou na sua vida por acaso e por contágio e hoje é uma das coisas que mais gosta de fazer.

É a responsável de Marketing e das Vendas da empresa, nomeadamente dos eventos e passeios náuticos que realizamos.
O planeamento de cada pormenor e a exigência de que tudo corra sem sobressaltos, faz dela um verdadeiro "cão de fila" em dia de actividades. Afinal de contas, ter clientes satisfeitos é a sua missão principal.

Tatiana Paoli. Patrão de Alto Mar.

A italiana mais portuguesa que existe no mundo.

Chegou à Confiquatro atrávés do Programa Leonardo Da Vinci e nunca mais a deixamos partir. Trazia na bagagem o fado do mar e foi apenas isso que lhe oferecemos: continuar a dedicar o seu tempo ao mundo náutico.

Dedica-se em especial à promoção e ao bom desenvolvimento de tudo o que diz respeito à nossa Escola e é peça preciosa no apoio aos eventos náuticos que temos realizado.

É a nossa principessa.

Somos nós. Agora que já conhece as caras, quando nos encontrar por aí e quiser uns dedos de conversa, disponha. Entre Marinheiros há sempre tempo para confraternizar!

2 comentários:

tózé disse...

Bom dia equipa maravilha ;).
Que bela descrição, com a qual concordo plenamente. Voçês são a equipa que leva para o mar, muitos e muitos crentes que ai encontram paz e desafio, como a água faz ao bater nas margens de um rio, Continuem a doar essa boa disposição e profissionalismo. Abreijos Antonio

tózé disse...

Bom dia :) que bela descrição sobre essa equipa maravilha. Continuem a doar a vossa boa disposição e profissionalismo a tantos crentes que procuram no mar paz e desafio, tal com água que bate continuamente nas margens de um rio. Abreijos Antonio